apple music

Apple Music chega a 10 milhões de assinantes

Serviços de streaming de música têm feito muito sucesso entre os usuários mundo afora. A praticidade de ter uma vasta coleção de trilhas ao seus dispor, além dos planos gratuitos ou com preços não elevados em casos de assinaturas premium, fizeram com que muitos aderissem a essa prática. E um serviço que vem surpreendendo no número de adeptos é o Apple Music. Em apenas seis meses, a plataforma já ganhou mais de 10 milhões de usuários.

Apple Music: 10 milhões de assinantes em 6 meses

Como relata o Financial Times, o Spotify, maior serviço do gênero atualmente, levou seis anos para conseguir esse resultado. O Apple Music, no entanto, possui agora metade da base de usuários do Spotify pagos, de 20 milhões. Acredita-se que em menor tempo ele consiga atingir o dobro disso.

É uma boa notícia que a Apple esteja fazendo esse trabalho de streaming, mas também é provável que o número de downloads venha a desacelerar, assim disse o analista do setor de música – Mark Mulligan ao Financial Times. Ele também acredita que o Apple Music tenha o potencial para ser o principal serviço de subscrição de música do mundo ainda em 2017, com base na sua taxa atual de crescimento.

Deezer e Tidal estão bem atrás – atualmente sua base de dados contam com 6,3 milhões para Deezer e 1 milhão de assinantes para Tidal.

Streaming de músicas ganhou força nos últimos anos

Em 2014, o número de serviços que envolvem o download de músicas perdeu muitos clientes, principalmente nos Estados Unidos. O valor arrecadado com as vendas de álbuns teve uma queda severa de 9%. Já os downloads para músicas específicas/individuais foi ainda pior, tendo um declínio de 12%. Os donos de plataformas desse segmento já se preocupam com esses números.

Já a demanda por buscas e serviços que permitem acesso ao sistema de streaming teve um aumento fantástico de 50% em relação ao mesmo ano. Já se somam mais de 164 bilhões de músicas sendo ouvidas pelo sistema. Os benefícios são vastos, já que o serviço de streaming contém muitas funcionalidades interessantes.

Direitos Autorais

O Apple Music e Spotify podem estar pegando um grande número de clientes pagantes, mas os artistas continuam discutindo se eles estão recebendo um tratamento justo de streaming. Spotify tem sido atingido com duas ações judiciais coletivas nas últimas semanas, pois alguns artistas alegaram violação de direitos autorais.

Apple Music x Spotify: quem será o líder no futuro?

Com esse aumento de assinantes no Apple Music, o Spotify está bem preocupado, pelo menos é o que os jornais americanos dizem. O Apple Music também está disponível em 100 territórios, já o Spotify apenas em 58, e, como ele vem pré-instalado em todos os iPhones, a Apple tem um alcance imediato – de mais de 800 milhões de usuários.

O que é mais interessante é que o Apple Music tinha mais assinantes durante o seu período de teste (11 milhões) do que ela tem agora (10 milhões). Embora o Spotify esteja se destacando muito no mercado, é provável que o Apple Music roube o primeiro lugar. Ainda não está claro se o sistema será um sucesso real, ou se o Apple Music está apenas ganhando essa multidão de assinantes dado a sua vasta base de usuários. Mas, uma coisa é fato, 10 milhões é um número poderosamente impressionante de assinantes pagos para ter em tão curto espaço de tempo.

A grande vantagem da Apple é o fato de ter um smartphone prontinho para distribuir o app.

Buscando mais informações interessantes? Acesse o Blog da Vindi e fique por dentro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *